A pandemia do Covid-19 e o trabalho remoto

Home office e o Covid-19

Infelizmente, estamos enfrentando tempos difíceis. Com o avanço dos casos de Covid-19 no país e no mundo, diversas empresas estão tendo que se adaptar para manter a segurança dos seus funcionários e os resultados que almejam.

A determinação da quarentena por questão de saúde pública causou muitas mudanças no nosso dia a dia.

Segundo a UNESCO, metade dos estudantes do mundo está sem aulas devido à pandemia do Covid-19. Isso representa mais de 850 milhões de crianças e adolescentes que tiveram suas atividades escolares suspensas.  Esse número dobrou em quatro dias e deve seguir aumentando.

No âmbito profissional, para reduzir o contato entre as pessoas e consequentemente, a propagação do vírus de forma acelerada nas cidades, uma parte considerável das empresas está adotando o famoso home office.

Para muitos profissionais, essa é a primeira experiência com o trabalho remoto, já que várias empresas não possuíam políticas relacionadas ao home office.

No início, a combinação da quarentena para conter o avanço do Covid-19 e o trabalho remoto pode deixar alguns trabalhadores confusos. Se essa é sua primeira experiência com o home office ou está precisando de dicas para passar por essa transição mais facilmente, continue lendo esse artigo.

 

Não faço parte do grupo de risco. Por qual motivo devo ficar em quarentena e trabalhar remotamente?

Segue sendo amplamente divulgado que o grupo mais vulnerável ao Covid-19 é formado por idosos e pessoas com condições pré-existentes, como diabéticos e hipertensos, por exemplo.

A adoção da quarentena e as medidas que vem sendo tomadas pelos governos estaduais e municipais visam diminuir a quantidade de pessoas nas ruas diariamente, para evitar aglomerações e impedir ao máximo que mais pessoas se tornem hospedeiras do vírus.

Mesmo que você não faça parte do grupo de risco do Covid-19, você pode se tornar um vetor e transmitir a doença para alguém que pode ser mais vulnerável.

Infelizmente, muitas pessoas seguem com o pensamento individual e acham que como não possuem contato direto com familiares e outras pessoas pertencentes ao grupo de risco, não precisam se adaptar às mudanças adotadas no cenário atual. Porém, é necessário lembrar que muitas pessoas convivem com indivíduos que podem ser fatalmente afetados pelo Covid-19 e é dever de todos zelar pela saúde dessas pessoas.

Dica #1 – Não fique plantado na frente do computador

Ao trabalhar em casa, é bastante comum que as pessoas passem mais tempo na frente do computador.

Defina um horário para iniciar e encerrar suas atividades do dia. Dessa forma, você também encontrará tempo para momentos de lazer, descanso e responsabilidades domésticas.

Permita-se também fazer algumas pausas. Passe pequenos intervalos de tempo relaxando, brincando com seu animal de estimação e com outros membros da família, caso eles também estejam em casa.

Ao se programar e trabalhar com responsabilidade, você não precisa perder a noção do tempo plantado em frente ao computador para entregar os mesmos resultados.

 

Dica #2 – Comunicação é a chave

Mantenha sempre a comunicação necessária com seus subordinados, chefes e colegas de equipe. Alinhe as prioridades e decidam juntos como as tarefas serão realizadas.

Com a mudança forçada para o trabalho remoto, algumas empresas podem sentir um temor de que os funcionários deixarão de produzir o mesmo que produziam no escritório. Porém, ao ser transparente e comunicar à equipe o que está fazendo no momento, dar uma estimativa para a entrega e quais serão seus próximos passos, todos ficarão mais seguros.

Caso sua empresa ainda não utilize, sugira algumas ferramentas online como o Trello e o Asana que podem ajudar na organização e controle das tarefas.

 

Dica #3 – Tire o pijama

Resista à tentação de trabalhar no conforto da sua cama usando pijama. Ao fazer isso, sua rotina de trabalho e seu período de descanso começam a ser confundidos pelo seu cérebro.

Não é necessário colocar uma roupa social ou algo mais formal. Você pode vestir roupas mais confortáveis, mas não se esqueça de seguir uma breve rotina como faria se estivesse começando seu dia de trabalho normalmente.

 

Dica #4 – Concentre-se

Com as medidas tomadas para evitar o Covid-19, muitas pessoas não estarão sozinhas em casa.

Como citado na primeira dica, falar com os familiares e passar um tempo com eles é ótimo, mas é necessário estabelecer horários e evitar distrações para aumentar a produtividade.

Converse com sua família e avise que precisa reservar períodos de tempo para se concentrar no trabalho e para isso, consequentemente, pode precisar ficar sozinho.

Deixe seu comentário :)

FALE CONOSCO

Mapa Do Site

Receba as melhores dicas

Todos os direitos reservados. Feito por Agência Novo Foco